Harmoniza meu amor, harmoniza: Dama Smoked Porter + British Breakfast


Demorou, mas voltaram as postagens. E recomeça com uma nova seção: Harmoniza meu amor, harmoniza! Como o nome já entrega, vou falar sobre harmonização de cerveja e comida. A ideia é simples, pegar um rótulo, falar um pouco sobre ele e sugerir um prato para acompanhá-lo. E a primeira escolhida foi a Smoked Porter da Dama Bier, com um clássico da culinária britânica, o british breakfast, ou, café da manhã britânico.

bb e dama smoked

A cerveja

Como esse blog é sobre cerveja ela é que é a estrela aqui. E a Dama Bier Smoked Porter merece o destaque. Produzida sazonalmente pela paulista Dama Bier, essa cerveja pega as tradicionais Porters britânicas e adiciona um leve defumado para reproduzir o estilo Smoked Porter criado nos Estados Unidos. O esfumaçado é sentido no final do gole, e combina muito bem com o amargor do malte torrado, que lembra café no aroma e chocolate amargo no paladar. Como corpo de médio para alto e textura aveludada, é uma cerveja robusta, mas de boa drinkability.

O prato

A ideia de harmonizar essa cerveja com um café da manhã britânico não é a toa. Primeiro são dois alimentos originários da mesma região, e isso é importante. Se uma bebida é típica de um país, é relativamente comum que ela combine com o que se come por lá. Segundo, os ingredientes usados no british breakfast têm algumas semelhanças com o que encontramos em uma Smoked Porter.

Existem diversas receitas de um british breakfast e tomei algumas liberdades na que fiz. Bacon, linguiça e ovos fritos, torrada, cogumelos salteados, tomate grelhado e feijão foram mantidos, mesmo que com adaptações: foram usados pão integral, linguiça apimentada, feijão carioquinha e cogumelos paris. Como aqui ninguém gosta de black pudding (ou morcela de sangue) ele foi cortado. No caso das batatas, foi uma simples opção não acrescentá-las.

A harmonização

Mas a pergunta principal é: e aí, harmoniza?

E a resposta é sim. O torrado e o defumado da Dama Smoked Porter não só combinaram com o do bacon, como deram uma leve ampliada neles. Apesar da cerveja ter uma acidez leve, ela é presente e ajudou a cortar um pouco da gordura do prato. O que mais surpreendeu foi a combinação dela com os cogumelos paris. Por ser robusta, imaginava que poderia matar a delicadeza dos cogumelos, mas não foi o que aconteceu. No fim, a torra do malte combinou bem com o sabor terroso deles.

Categorias:Harmoniza meu amor, harmonizaTags:, , , ,

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: